Viviane Araújo veste fantasia explosiva no Carnaval e é ovacionada

Viviane Araújo veste fantasia explosiva no Carnaval e é ovacionada

A rainha de bateria da Salgueiro completou 12 anos na escola de samba e foi aclamada: "Rainha das rainhas".

Uma homenagem a Xangô

A modelo e atriz Viviane Araújo completou 12 anos de destaque na escola de samba da Salgueiro em grande estilo. Em homenagem aos orixás africanos, a Rainha de Bateria se vestiu de Xangô em uma fantasia de tirar o fôlego. Com uma armação extremamente cavada e um decote destacando suas curvas, ela se transformou na borboleta de Oyá, incluindo belas asas e cabelo com mechas de mais de um metro de comprimento.

Mesmo depois de tantos e tantos anos desfilando pelas maiores escolas de samba do Brasil, Viviane afirma que não pretende parar nunca: "Acho que nunca vou deixar o Carnaval, mas como rainha uma hora vou ter que parar. Mas sem previsão por enquanto. Essa semana eu tive folga e fiquei bem tranquila. O pessoal da novela sabe o quanto esse momento é importante na minha vida", disse ela para o site Purepeople.

Briga de rainhas

Uma outra rainha de bateria, Elaine Azevedo da Unidos da Tijuca, fez declarações polêmicas sobre a musa do Salgueiro Viviane Araújo. Segundo ela, as escolas de samba deveriam mudar as rainhas de bateria de tempos em tempos e lançou o nome de Viviane: “Adoro a Viviane Araújo e me dou muito bem com ela, mas já está na hora de mudar, botar outra menina no Salgueiro. Ficar 10, 15 anos no cargo como a Rainha, da Beija-Flor, que também devia ter outro posto na escola e deixar a vaga de rainha para outra. Já deu. Mas falo isso na cara delas. A renovação é importante”, disse Elaine em entrevista ao jornal Extra. Após o desfile da Salgueiro, Viviane, claramente irritada, não quis dar entrevistas aos repórteres sobre o assunto. "Foi ela que falou. Problema dela. Acho muito chato, mas é a opinião dela", declarou.

Início da carreira

Leia também
Conheça a "menina do algodão doce" que já encantou milhares de internautas

Segundo a musa Viviane Araújo, sua estreia nas avenidas aconteceu em 1995, e na época ela tinha apenas 20 anos. Em entrevista à revista Quem, ela contou: “Meu primeiro desfile foi em 1995 na Império da Tijuca, no Grupo de Acesso. Desfilei num carro abre-alas. Como meu pai sempre foi muito fã de Carnaval, ele pediu a um amigo que tinha um conhecido na escola que me encaixou”. Contudo, ela afirma também que hoje as coisas são bastante diferentes do que na época, já que a pressão e a responsabilidade eram outras: É claro que hoje é mágico, diferente, mas não tinha preocupação, responsabilidade com nada, era uma alegria só. Era uma menina indo curtir o Carnaval. E curtia desfilando nas escolas. Quando comecei, desfilava em várias escolas por noite. Estava ali para curtir, aproveitar, brincar mesmo”.

Porém, apesar de já ter sido capa de inúmeras revistas masculinas e considerada uma das mulheres mais sexy do Brasil, ela conta que não se considera um símbolo sexual, e que para isso não são apenas os dotes físicos, mas a atitude conta muito: “Acho que isso existe pelo fato de eu ter saído em várias revistas, ter desfilado de peito de fora... Aí você fica naquele universo. Mas não sei... Às vezes me considero sexy. Tem mulheres que realmente tem aquela coisa: ‘sou bonita e gostosa 24 horas’. Eu acho que ser sexy está na atitude”.

 

Imagem: Getty 

• De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações