Turista tenta tirar foto com um bebê tubarão, mas é atacada

Turista tenta tirar foto com um bebê tubarão, mas é atacada

Uma mulher pegou um filhote de tubarão-limão na praia do Sueste, no arquipélago de Fernando de Noronha, e teve direito a uma dupla punição.

Tubarão-limãoNegaprion brevirostris, é um tubarão que pode atingir cerca de 3 metros de comprimento, possui dorso de coloração amarelada (o que dá origem ao nome) e vive em regiões costeiras em águas de profundidade moderada junto ao fundo de areia. Comum no Oceano Atlântico, nas porções tropicais e sub-tropicais, bem como em algumas ilhas do Oceano Pacífico, ele é bastante encontrado nas águas de Fernando de Noronha.

Ultimamente, os pescadores afirmam terem percebido um aumento no número destes animais, incluindo disputas por sardinhas e uma aproximação cada vez maior das praias - representando assim um risco maior para surfistas e turistas, como aconteceu com este casal.

Leia também
Imagens de um enorme tubarão-tigre capturado na Austrália comovem a internet

Em vídeo divulgado na internet, o casal de turistas encontrou um filhote de tubarão-limão em plena parte rasa da praia e resolveram registrar o momento. Com o objetivo de obter o melhor ângulo, a mulher tentou pegar o animal com as mãos, enquanto o marido filmava, e acabou sendo mordida. O marido a levou para o hospital onde ela recebeu três pontos para suturar os ferimentos.

Os dois visitantes terão ainda que pagar R$ 20 mil de multa por crime ambiental. Júlio Rosa, coordenador de Fiscalização do ICMBio, explicou: “Eles foram autuados por infração ambiental. Tanto a mulher quanto o marido foram multados porque participaram da infração. Além da multa, vamos encaminhar o caso ao Ministério Público e eles vão responder criminalmente”.

Flávio Soares
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações