Canoísta fica cara a cara com um gigantesco tubarão
Canoísta fica cara a cara com um gigantesco tubarão
Canoísta fica cara a cara com um gigantesco tubarão
Leia mais

Canoísta fica cara a cara com um gigantesco tubarão

Escrito por De Freitas Agostinho

Na Flórida, um canoísta teve um encontro... singular. Quando ele navegava pelo litoral de Panama City Beach, ele recebeu uma visita tão inesperada quando impressionante: a de um gigantesco tubarão. As imagens são de dar frio na espinha!

Na cultura popular, é dito que os tubarões não significam coisa boa. Ainda sem contar com filmes como "Tubarão", que contribuem para transmitir a ideia de que os tubarões são perigosos.

No entanto, "um tubarão atacar o homem de forma voluntária, alvejada e repetitiva, é algo que nunca foi visto na natureza", conta o mergulhador e fotógrafo marinho Laurent Ballesta. Grande cinéfilo que é, ele nos disse o que era verdadeiro e o que era falso, especialmente no que diz respeito aos tubarões.

Apesar das precauções, não temos como negar que os tubarões são animais particularmente impressionantes. É sem dúvida por essa razão que essas fotos acima são de dar frio na espinha.

Mais medo que perigo

Filmadas em 2016, elas mostram o impressionante encontro entre um canoísta e um tubarão. Quando ele passava pelo litoral de Panama City Beach, na Flórida, ele recebeu essa visita inesperada.

Passando pelos olhos e pelas câmeras dos smartphones dos passageiros, o gigante se aproximou lentamente do canoísta. A título de comparação, o caiaque media pouco mais de 4 metros... o que não era muito se comparado ao tamanho do tubarão.

O homem não tinha muito a temer: tratava-se efetivamente de um tubarão-peregrino. Reconhecível pela sua grande boca aberta, a espécie é considerada inofensiva ao seres humanos. Podendo chegar a 12 metros de comprimento, ele é considerado o segundo maior peixe existente na Terra, ficando atrás do impressionante tubarão-baleia.


Sem Internet
Verifique suas configurações