Trânsito peso-gastroduodenal (TPGD): definição, funcionamento e riscos deste exame digestivo

Trânsito peso-gastroduodenal (TPGD): definição, funcionamento e riscos deste exame digestivo

O trânsito peso-gastroduodenal é um exame radiográfico que permite estudar os órgãos do trato digestivo superior. É feito principalmente para encontrar a origem dos distúrbios digestivos.

O que é trânsito peso-gastroduodenal e quando é indicado?

O trânsito peso-gastroduodenal consiste em observar os órgãos da parte superior do sistema digestivo, como o esôfago, o estômago e o duodeno. A observação é feita usando raios X e um produto de contraste baseado em barita.

Esse teste é indicado em pessoas que têm dificuldade em engolir saliva ou alimentos (distúrbios da deglutição), ou que são vítimas de problemas digestivos graves ou repetidos: náusea, vômito, dor abdominal...

O TPGD também confirma sangramento gastrointestinal e anormalidades gastrointestinais altas em pessoas com refluxo gastroesofágico ou dor torácica, pólipos ou recentemente perdeu perda de peso de maneira inexplicada. Finalmente, o TOGD é um valioso aliado na detecção de certos tipos de câncer, pois destaca a presença de tumores malignos.

Como é um trânsito peso-gastroduodenal?

O trânsito peso-gastroduodenal é realizado por um radiologista em uma sala de radiologia. A sala abriga uma mesa inclinada e uma mesa de controle a partir da qual o radiologista controla o exame.

O paciente é convidado a se despir em um vestiário e deixar seus pertences lá. As roupas a serem removidas dependem das áreas a serem examinadas. O radiologista, então, pede que ele beba um copo de água que contém sulfato de bário. Uma vez no corpo, esse líquido branco é depositado nos órgãos, o que permite ao radiologista discernir melhor os cliques.

O paciente fica em pé ou deitado enquanto o aparelho com um tubo de raios X faz as imagens. A duração total do exame varia entre 20 e 45 minutos, dependendo do paciente. O paciente deve então pegar as imagens com o radiologista e reportar ao seu médico assistente.

Leia também
Descubra o efeito surpreendente do leite com Coca-Cola

Quais são os riscos, precauções e contraindicações do trânsito peso-gastroduodenal?

O trânsito peso-gastroduodenal é um exame indolor que geralmente não envolve nenhuma complicação. Os raios X usados não são muito poderosos e o produto de contraste administrado é seguro. O paciente deve ficar com o estômago vazio.

Se ele for fumante, ele deve ficar sem fumar no dia do exame. Durante as imagens, ele não deve se mover ou respirar. Como precaução, esse teste é geralmente contraindicado em mulheres grávidas.

Danielle Pereira
Sem Internet
Verifique suas configurações