Navio naufragado há 113 anos é encontrado com R$ 300 bilhões em ouro
Navio naufragado há 113 anos é encontrado com R$ 300 bilhões em ouro
Navio naufragado há 113 anos é encontrado com R$ 300 bilhões em ouro
Leia mais

Navio naufragado há 113 anos é encontrado com R$ 300 bilhões em ouro

Escrito por Bruna Moura
Última modificação

Um tesouro de 300 bilhões em ouro foram encontrados entre os destroços de um navio de guerra russo.

Uma equipe de pesquisadores descobriu destroços de um navio de guerra russo que naufragou há 113 anos ao longo da costa da Coréia do Sul. Perto de 200 toneladas de barras e pepitas de ouro foram encontradas.O cruzeiro da marinha imperial russa de Dmitrii Donskoi naufragou há 113 anos durante uma batalha naval. Ele foi descoberto há mais de 1400 metros de profundidade ao longo da ilha sul-coreana de Ulleungdo, conforme anunciou o portal de notícias Daily Telegraph.

De acordo com informações do periódico britânico, uma equipe composta de especialistas vindos da Coréia do Sul, da Grã-Bretanha e do Canadá fizeram essa descoberta excepcional. Eles utilizaram dois submarinos para capturar imagens do navio. As imagens registradas pelos submersíveis mostraram claramente “danos críticos causados durante o encontro com navios de guerra japoneses em maio de 1905”, conta a fonte.

De acordo com alguns historiadores, Dmitrii Donskoi teria naufragado com 5500 caixas de barras de ouro e com moedas a fim de impedir a conquista do tesouro pelos japoneses.Alguns relatos históricos revelaram que Dmitrii Donskoi carregou o tesouro de toda a frota, o que incluía o salário dos marinheiros e oficiais, bem como taxas de porto. As reservas de vários outros navios que foram danificados durante a batalha também podem ter sido transportadas pelo navio de guerra.A empresa de busca por tesouros da Coreia do Sul, Shinil Group, gastou vários anos tentando encontrar o navio. Agora ela está preparando uma operação conjunta com empresas chinesas, canadenses e britânicas para recuperar o tesouro.“Dmitrii Donskoi” foi lançado em 1883.

O navio conta com 90 metros de comprimento e 15,8 metros de largura. A velocidade máxima do barco é de 16 nós, mais ou menos 30 km/h. A tripulação contava com 515 pessoas. No arsenal de Dmitrii constava artilharia de navio e vários tubos de torpedos. O navio entrou numa batalha ilegal com vários cruzeiros japoneses dia 14 de maio de 1905 na costa da Coreia. Dois dias mais tarde a equipe, que se recusou a render-se aos japoneses, inundou o navio.

Valor absurdo

O Grupo Shinil, que dirigiu a exploração submarina e que possibilitou a descoberta do navio, calcula que o ouro que ainda repousa no porão do navio teria um valor hoje estimado em 300 bilhões de reais. Metade do tesouro encontrado a bordo do cruzeiro será devolvido ao governo russo, indica o grupo Shinil. Apenas 10% do montante restante será investido em projetos turísticos na ilha de Ulleungdo, onde um museu dedicado ao navio será fundado. A empresa disse por meio de uma declaração que “Nós percebemos que havia coisas parecidas com caixas de tesouros, mas ainda não as abrimos, vamos abri-las no momento certo”. O grupo jurou que empregará o equivalente a R bilhões em investimentos para a ilha Ulleng, que é um destino turístico popular para os sul-coreanos.


Sem Internet
Verifique suas configurações