Homem atira em tatu, a bala ricocheteia e acerta o próprio rosto

Homem atira em tatu, a bala ricocheteia e acerta o próprio rosto

Um homem no Texas atirou num tatu, a bala acertou a casca à prova de balas e ricocheteou acertando a própria face do atirador. O animal saiu e não foi mais encontrado.

Uma estrada vazia no leste do Texas às três horas da manhã, um homem com uma arma e um tatu. O que poderia dar errado?"Um homem do leste do Texas, Estados Unidos, foi ferido depois de disparar uma arma contra um tatu no seu quintal e a bala ricochetear de volta, acertando seu rosto" - contou o xerife local na sexta-feira.

Larry Rowe, o xerife, disse que o homem, que não foi identificado, saiu de sua casa no bairro de Marietta, sudoeste da cidade de Texarkana, por volta das três horas da manhã na quinta-feira. Ele viu um tatu na sua propriedade e atirou.“A sua esposa estava em casa. Ele saiu e pegou seu revólver 38 e atirou três vezes no tatu. O animal de casco duro defletiu pelo menos uma das três balas, que tomou o rumo contrário, terminando por acertar o atirador na bochecha", relatou o xerife.O homem ficou sem ar e foi levado a um hospital próximo, onde a bala foi retirada de sua face. O estado e localização do animal são desconhecidos. “Não encontramos o tatu”, contou o xerife.

Não brinque com os tatus do Texas

Não brinque com os tatus do Texas. Essa é a lição que o texano aprendeu da pior forma possível. Os oficiais do condado de Cass disseram que o homem, além do ferimento na bochecha, sofreu um raspão na cabeça quando atirou no tatu.O incidente foi classificado pelo porta-voz do xerife como um “tiro acidental”. Incrivelmente, essa não foi a primeira vez em que um tatu se saiu melhor sobre um atirador. Em abril, um jovem senhor de 54 anos, Larry McElroy, de Lessburg, na Gerogia, Estados Unidos, acidentalmente atirou em sua madrasta quando um tatu saiu de dentro de seu casco, e ele tentou acertá-lo. O que aconteceu, diferente do planejado, foi que a bala acertou o tatu e também não passou de seu casco. Ela ricocheteou e acertou as costas da mulher de 74 anos. Nesse caso, o tatu não sobreviveu.

Os tatus

Os tatus são animais nativos da América do Norte, caracterizados pelo seu casco duro e protetor. Embora tatus tenham as pernas curtas, eles podem andar muito rápido. Esses mamíferos tem uma visão muito limitada e usam o seu faro para encontrar comida e caçar. Eles usam suas patas para cavar e procurar comida, bem como para fazer casa em terrenos, motivo pelo qual ele é odiado por muitos.Apesar de os tatus sofrerem com a caça, eles têm grande importância ecológica, pois alimentam-se de insetos. Sendo insetívoros, eles contribuem para o equilíbrio ambiental com uma dieta baseada em cupins, formigas entre outros. Uma pesquisa da Universidade do Rio Grande do Sul constatou que um só tatu pode consumir cerca de 8 855 insetos numa só noite. A caça desse animal para comida ou para retirada de sua carapaça acarreta um desequilíbrio na quantidade de insetos no meio ambiente,causando problemas para os produtores de frutas, legumes e hortaliças.

• Pedro Souza
Leia mais