Você sabe qual é o objeto que mais transmite doenças nos aeroportos?

Você sabe qual é o objeto que mais transmite doenças nos aeroportos?

Engana-se quem pensa que os banheiros são os locais mais suscetíveis para pegar uma doença ao viajar de avião. Confira o surpreendente resultado de uma recente pesquisa. 

Não importa a cidade ou o país de origem, todas as pessoas que viajam de avião são obrigadas a manusear este objeto nos aeroportos e, apesar de parecer indefeso, ele acumula grandes quantidades de bactérias e germes transmissores de doenças. 

Pesquisadores da Universidade de Nottingham (Inglaterra) e do Instituto Nacional Finlandês para a Saúde e o Bem-Estar recolheram amostras de 90 superfícies diferentes do aeroporto de Helsínquia-Vantaa, na Finlândia, para averiguar quais as zonas que mais oferecem risco aos passageiros. 

Apesar da maioria das pessoas enxergar os banheiros como os principais vilões, foram aquelas bandejas de plástico em que colocamos os nossos pertences para serem analisados pelas máquinas de raios-X que mais continham germes e bactérias prejudiciais à saúde humana – a maioria deles respiratórios, que podem causar gripes ou resfriados. 

Leia também
Descubra o efeito surpreendente do leite com Coca-Cola

Os resultados da investigação surpreenderam (negativamente) até os especialistas que a comandaram, tamanha a quantidade de bactérias e de germes encontrados. Segundo eles, metade das bandejas apresentava vestígios! 

Para reduzir o risco de pegar uma doença, lave as mãos imediatamente depois que acabar de manusear as bandejas e passar pela área de controle de segurança, em que estão as máquinas de raios-X. Outra dica é levar na bagagem de mão um recipiente com álcool-gel (mas, fique atento às restrições de tamanho e de materiais que podem ser carregados. Estas informações estão disponíveis nos sites das companhias aéreas).  

De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações