Pedra nos rins: sintomas, tratamento e cirurgia. O que causa pedra nos rins?
Pedra nos rins: sintomas, tratamento e cirurgia. O que causa pedra nos rins?

Pedra nos rins: sintomas, tratamento e cirurgia. O que causa pedra nos rins?

As pedras nos rins (cálculos renais) são cristais sólidos que se formam nos rins. Dependendo do seu tamanho e de sua localização, eles podem ser responsáveis por dores muito fortes.

O que são pedras nos rins?

As pedras nos rins, ou "cálculos renais" são pedras que se formam nos rins ou nos ureteres. São cristais formados a partir de sais minerais (cálcio ou magnésio) e o excesso de ácidos na urina. Elas podem bloquear as vias do trato urinário e ser responsáveis por dores intensas. Isto é chamado de cólica nefrética.

O tamanho das pedras nos rins é variável. Elas podem variar de alguns milímetros a alguns centímetros de diâmetro.As pedras nos rins geralmente aparecem após os 40 anos de idade e são duas vezes mais comuns em homens do que em mulheres. Elas afetam cerca de 10% da população.

Sintomas das pedras nos rins

Se a pedra for pequena, pode passar despercebida e ser eliminada depois de algum tempo pela urina. No entanto, se os canais urinários se encontrarem obstruídos, ela pode provocar diversos sintomas:

- Dor viva e intensa na região inferior das costas que irradia para o abdômen  e regiões genitais

- Náuseas e vômitos

- Desejo frequente e urgente de urinar

- Sangue na urina

Uma crise de cólica nefrética pode durar entre 10 minutos e várias horas.

Complicações do cálculo renal são raras, mas se não for tratado, pode causar uma infecção do trato urinário ou, em casos graves, um choque séptico.

Causas de pedras nos rins

A cristalização de sais minerais que formam as pedras nos rins podem ser explicadas por diferentes fatores. O mais comum é uma ingestão insuficiente de água. Isso implica uma falta de diluição da urina e a concentração excessiva de minerais.

Uma dieta rica em açúcar ou proteínas também pode causar uma pedra nos rins. Em casos raros, a pedra nos rins pode surgir após uma doença metabólica (diabetes) ou genética.

Tratamento para pedras nos rins

A grande maioria das pedras nos rins são eliminadas depois de várias semanas. Recomenda-se beber cerca de 3 litros de água por dia durante este período, a fim de manter uma hidratação adequada e ajudar a migração da pedra.

A cólica nefrética é extremamente dolorosa e exige um tratamento aliviar essas dores. O tratamento consiste na ingestão de um anti-inflamatório não esteroide ou de morfina para aliviar as dores do paciente.

O cálculo pode ser removido durante uma intervenção cirúrgica se a evacuação não ocorrer espontaneamente. Essa remoção pode ser feita por uma litotripsia (destruição do cristal por uma onda de choque) ou por uma nefrostomia (drenagem utilizando uma sonda).

Escrito por Bruna Moura
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações