Caxumba: sintomas, tratamento, é contagioso?
Caxumba: sintomas, tratamento, é contagioso?

Caxumba: sintomas, tratamento, é contagioso?

A caxumba é uma doença viral contagiosa. Ela afeta principalmente crianças a partir de três anos, mas também pode atingir adultos.

Definição: O que é caxumba?

A caxumba é uma doença viral contagiosa caracterizada por uma inflamação das glândulas salivares, situada sob as orelhas. Ela afeta principalmente as crianças a partir de três anos.

Transmissão da caxumba

A caxumba é causada por um paramixovírus, ou vírus da papeira, e é transmitida pela saliva. A infecção ocorre através do contato direto com uma pessoa infectada ou quando gotículas são expelidas no ar, pela tosse ou pelo espirro.

A doença é mais contagiosa uma semana antes e uma semana após o aparecimento dos sintomas. Uma pessoa só pode ser afetada pela caxumba uma vez na vida.

Sintomas da caxumba

O período de incubação da caxumba é cerca de três semanas. A doença, então, aparece de repente. Geralmente se constatam os seguintes sintomas:

- Inchaço doloroso das glândulas parótidas sob as orelhas (geralmente em ambos os lados da face)

- Dores nos ouvidos

- Dores ao mastigar

- Febre (entre 38°C e 39,5°C)

- Dores de cabeça (cefaleias)

- Perda de apetite

- Grande fadiga

Caxumba em adultos

A caxumba geralmente é uma doença leve em crianças, mas pode levar a complicações graves na idade adulta. Ela pode atingir outras glândulas ou o sistema nervoso.

A orquite (inflamação de um testículo) ocorre em um a cada dois casos em adolescentes ou jovens adultos. Isto resulta no inchaço doloroso de sete a dez dias após o aparecimento dos sintomas e, no pior dos casos, na esterilidade. Mais raramente, pode-se constatar uma pancreatite, ou seja, uma inflamação do pâncreas.

Do ponto de vista neurológico, a caxumba pode atingir os nervos auditivos e causar uma perda de audição. Uma meningite também pode ocorrer em alguns casos.

Em mulheres grávidas, a caxumba aumenta o risco de aborto espontâneo no primeiro trimestre de gravidez. Contudo, o feto não no corre risco de malformação.

Tratamento da caxumba

A caxumba não requer tratamento. Como a doença é de origem viral, os antibióticos são ineficazes e inúteis. Paracetamol pode ser prescrito para combater a febre e a dor de cabeça.

Para uma recuperação rápida, é aconselhável descansar e ingerir líquidos regularmente. Alimentos macios (sopa, purê, iogurte) são recomendados para que o doente não sofra muito durante a mastigação.

Prevenção e vacinação contra a caxumba

A única prevenção verdadeiramente eficaz contra a caxumba é a vacina MMR (rubéola - caxumba - sarampo). Duas doses são necessárias: a primeira com um ano e a segunda entre os 16 e os 18 meses. Se você não tiver sido vacinado na infância, é aconselhável falar com o seu médico.

Escrito por Bruna Moura
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações