Aneurisma: causas, sintomas, tratamentos. O que é aneurisma?
Aneurisma: causas, sintomas, tratamentos. O que é aneurisma?

Aneurisma: causas, sintomas, tratamentos. O que é aneurisma?

A ruptura de um aneurisma é algo muito perigoso que pode provocar uma hemorragia interna. Trata-se de um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico, diferente do AVC isquêmico.

Definição: o que é um aneurisma?

O aneurisma é uma dilatação anormal da parede de uma artéria resultando na formação de uma bolsa cheia de sangue. Com o tempo, essa bolsa pode lascar-se ou romper-se. É a chamada ruptura de aneurisma. Esse acidente tem consequências muito graves e pode, inclusive, provocar uma hemorragia cerebral, sendo fatal em um a cada dois casos.

As artérias que frequentemente apresentam um aneurisma situam-se no cérebro, causando o aneurisma cerebral, ou na aorta abdominal que é a razão do aneurisma abdominal. As mulheres entre 40 e 50 anos são as mais afetadas.

Sintomas do aneurisma

As pessoas portadoras de um aneurisma cerebral, em geral, não apresentam sintomas até que o sangue comece a vazar. Entretanto, em um terço dos casos, uma dor de cabeça muito forte é sentida alguns dias antes do rompimento. À dor de cabeça, seguem-se vômitos, náuseas, dor no peito e enrijecimento na nuca. Nos casos mais graves, o paciente pode ter alterações no estado mental ou entrar em coma.

No caso de aneurisma abdominal, certos sinais também indicam uma fissura da artéria. Os sintomas incluem, em geral, dores no estômago e nas costas, sensibilidade intensa e febre. Uma diferença de pulsação entre os braços também pode ser constatada para ajudar no diagnóstico.

Causas do aneurisma

As causas do aneurisma ainda são desconhecidas. Na maioria dos casos, é devido a uma malformação congênita. A parede da artéria, nesses casos, já é deformada desde o nascimento. Os antecedentes genéticos e a existência de casos na família são os maiores fatores de riscos.

Certas doenças e infecções como o diabetes, a hipertensão arterial, o colesterol ou a sífilis podem favorizar um aneurisma. Está comprovado, também, que o tabaco tem um grande papel em sua manifestação.

Tratamento do aneurisma. O aneurisma tem cura?

Assim que o aneurisma é rompido, é vital que o tratamento seja iniciado imediatamente. Existem duas intervenções cirúrgicas possíveis. A primeira é a colocação de clips implantáveis intracranianos (pequenos clips metálicos) no cérebro, na base do aneurisma, que tem por objetivo parar o fluxo sanguíneo e evitar a hemorragia.

Outro método é a embolização endovascular. Esse tratamento permite bloquear o interior da dilatação do vaso sanguíneo com a ajuda de um cateter localizado na artéria da virilha. A ruptura do aneurisma, infelizmente, deixa graves sequelas que demandarão uma longa reabilitação na maior parte dos casos.

Diferença entre aneurisma cerebral e acidente vascular cerebral (AVC)

O acidente vascular cerebral corresponde a uma falha na circulação sanguínea no cérebro. Em 80% dos casos, se trata de um AVC isquêmico, ou infarto cerebral, que se manifesta depois de um coágulo ocasionado pelo entupimento de um vaso sanguíneo.

O aneurisma faz parte da segunda categoria dos acidentes vasculares cerebrais, o AVC hemorrágico. É causado pela ruptura de uma artéria no interior do cérebro, provocando uma hemorragia interna.

Escrito por Bruna Moura
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações