Polissonografia do sono: definição, como é feito, riscos

Polissonografia do sono: definição, como é feito, riscos

A polissonografia é um exame médico para estudar o sono do ponto de vista fisiológico, em caso de distúrbios do sono.

Definição de polissonografia

A polissonografia (ou gravação polissonográfico do sono, ou polissonografia noturna) é um exame destinado a observar e estudar o sono de um paciente fisiologicamente para determinar a origem dos distúrbios do sono.

O registro polissonográfico é uma avaliação completa que visa analisar os ciclos do sono e suas diferentes fases. Ao coletar um conjunto de informações sobre frequência cardíaca, tensão muscular (eletromiograma), função cerebral (eletroencefalograma) e função pulmonar, o especialista terá elementos que lhe permitirão diagnosticar a apneia do sono, síndrome das pernas inquietas, narcolepsia, fadiga anormal, etc.

Como está indo a polissonografia?

Exames de polissonografia são geralmente realizados no hospital (mais raramente na própria casa do paciente), onde você tem que pernoitar. Em todos os casos, o exame é distribuído por um período de cerca de dez horas. O paciente fica em uma sala especializada, onde será filmado e gravado por uma câmera infravermelha por pelo menos 6 horas.

Geralmente, ele terá que usar uma máscara conectada a um dispositivo chamado pressão positiva contínua. Além disso, para recolher todas as informações necessárias, o paciente usa elétrodos colocados em várias áreas do corpo (face, crânio, dedos, pernas e peito). Para que os sensores permaneçam adequadamente durante toda a noite, a pele e o couro cabeludo devem estar limpos e livres de qualquer produto.

O terapeuta está em outra sala, a fim de observar o curso da noite e analisar as informações coletadas, tais como taxa de respiração, a quantidade de CO2 exalado, ronco, frequência cardíaca, posições, movimentos oculares, micro despertares ou atividade cerebral. Esses elementos ajudam a diagnosticar e, consequentemente, estabelecer uma estratégia de tratamento adequada.

Polissonografia: quais são os riscos e contraindicações?

A polissonografia é um exame sem contraindicações, pois é simplesmente uma noite no hospital. No entanto, em certas patologias (certos tipos de insônia), as gravações simplificadas e caseiras são preferíveis.

Leia também
Descubra o efeito surpreendente do leite com Coca-Cola

Da mesma forma, não há efeitos colaterais a serem temidos, exceto talvez uma possível irritação da pele em caso de alergia ao gel ou cola usada para colocar os eletrodos (o que é extremamente raro).

Danielle Pereira
Sem Internet
Verifique suas configurações