Jovem que vende biscoitos na rua fatura campeonato mundial de Jiu-Jítsu

Jovem que vende biscoitos na rua fatura campeonato mundial de Jiu-Jítsu

Sem patrocínios, ele decidiu conseguir por conta própria o dinheiro que precisava para realizar o seu sonho. Mas, esta não foi a primeira grande vitória de Gabriel Bona – conheça a sua história!

Não é fácil ser atleta no nosso país. Que o diga Gabriel Bona, jovem de 16 anos que acaba de se tornar campeão mundial juvenil de Jiu-Jítsu na categoria peso-pesado. De origem humilde, ele teve que se virar para conseguir viajar até a Califórnia para participar do campeonato do qual saiu vitorioso.  

Após não ter sucesso com os pedidos de patrocínio, ele decidiu ir para as ruas do Rio de Janeiro para vender biscoitos “A ideia de vender biscoitos surgiu após eu perceber que não poderia viajar para as competições internacionais sem dinheiro. Não tinha outra opção, meus pais não tem condições de bancar. Eles também não permitiram que eu parasse de estudar para trabalhar. Então, foi o jeito”, revelou o novo campeão em entrevista ao jornal Extra

Gabriel mora no bairro do Camorim, na zona Oeste carioca. Filho de pais separados, ele acorda todos os dias às 6h da manhã e divide o seu tempo entre os estudos (atualmente cursa o 1º ano do Ensino Médio), os treinos e a venda de biscoitos. 

Leia também
Lutador de Jui- jitsu desafia fisiculturista

Para realizar essa última viagem, por exemplo, ele precisou juntar por conta própria os 6 mil reais de que precisava – mesmo já sendo bicampeão sul-americano e campeão brasileiro na sua categoria.

Seu próximo desafio será participar do Pan-Americano Nogi, em Nova Iorque. Para chegar lá, ele estima que precisará de cerca de 10 mil reais, por isso, segue em busca de patrocínios e também vendendo os seus biscoitos. Assista no vídeo outros detalhes da história de vida deste menino que já nasceu um campeão

(Fonte: Extra)

De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações