Aoshima, a ilha japonesa que se tornou um verdadeiro paraíso para gatos

Aoshima, a ilha japonesa que se tornou um verdadeiro paraíso para gatos

Com mais de 120 gatos selvagens para uma superfície de apenas 0,49 quilômetros quadrados, a ilha japonesa de Aoshima é o tipo de lugar onde é melhor não ser alérgico aos bichanos.

Situada no mar interior de Seto, a ilha japonesa de Aoshima é especialmente considerada pelos turistas. Entretanto, lá não encontramos nem hotel nem comércio. As pessoas que chegam não vão para consumir, aproveitar da paisagem ou para tomar sol, mas simplesmente para encontrar... gatos. Deve-se dizer que com uma média de seis gatos por habitante, a ilha é um verdadeiro paraíso para felinos.

Missão bem precisa inicialmente:

Inicialmente importados para a ilha para impedir os ratos de devorarem as iscas dos pescadores, os bichanos foram se multiplicando desde então, até ultrapassar a centena. Proliferação facilitada pela ausência de predadores naturais que garantiu a essa ilha um apelido muito bem merecido "ilha dos gatos"!

Leia também
Japonesas de bíquini se enfrentam em um programa de televisão surreal

Visita que pode trazer alguns riscos:

Então, se você gostar de gatos e for visitar o Japão, esse é um trecho incontornável que você não pode deixar passar, veja bem antes de ir se nenhum dos seus companheiros de viagem é alérgico, pois se alguém for, talvez não tenha uma boa experiência...

Esperamos que para eles essa história não terminei como para os moradores de quatro patas da cidade de Omaui na Nova Zelândia, onde as autoridades decidiram banir os gatos para proteger a fauna.

• De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações