Copa América: grande final bate recorde de renda no futebol brasileiro

Copa América: grande final bate recorde de renda no futebol brasileiro

A final da Copa América registrou a maior renda da história do futebol brasileiro.

É campeão!

No último domingo, o Brasil se consagrou pela 9ª vez o grande campeão da Copa América. Com uma vitória de 3 a 1 em cima do Peru, o Maracanã ficou em absoluta festa; os jogadores da Seleção Brasileira entraram para a história com o título, principalmente Everton Cebolinha, Gabriel Jesus e Richarlison, os autores dos gols que levaram o time à vitória. A partida foi marcada por muitas emoções, desde os gols até a expulsão de Gabriel Jesus no segundo tempo e os dois pênaltis marcados pela arbitragem: um para o Brasil com Richarlison na cobrança e outro para os peruanos, convertido por Guerrero e que seria o único gol dos vice-campeões.

Renda histórica

Além de garantir mais um título de campeão para a Seleção Brasileira, a partida entre Brasil e Peru na grande final da Copa América trouxe também um recorde histórico para o nosso país. O duelo teve uma renda nunca antes vista no futebol nacional: foram arrecadaos 38,8 milhões de reais, cerca de 16 milhões de reais a mais do que a maior renda anterior. No total, o público pagante chegou a 58 mil, ao passo que o número de torcedores no estádio extrapolou os 70 mil. 

A Copa América de 2019 foi palco das maiores rendas do esporte no Brasil. Antes dela, o maior lucro era de 2017 na a partida de Brasil contra o Chile, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, e acumulou 15,1 milhões de reais; sendo assim, a final na Copa América arecadou cerca de três vezes esse número. Outros dois recordes batidos na edição deste ano do torneio foram na estreia entre Brasil e Bolívia com 22,5 milhões de reais e a semifinal das Seleções Brasileira e Argentina, que somou 18,7 milhões. 

Tabela das maiores rendas

Confira abaixo uma tabela com as maiores rendas acumuladas pelo futebol no Brasil, com ano, local da partida e público pagante na ocasião:

Brasil 3x1 Peru (Maracanã, 2019): R$ 38.760.850,00 (pagantes: 58.504) 

Brasil 3x0 Bolívia (Morumbi, 2019): R$ 22.476.630,00 (pagantes: 46.342) 

Brasil 2x0 Argentina (Mineirão, 2019): R$ 18.744.445,00 (pagantes: 52.235) Brasil 3x0 Chile (Allianz Parque, 2017): R$ 15.118.391,02 (pagantes: 41.008) Atlético-MG 2x0 Olimpia (Mineirão, 2013): R$ 14.176.146,00 (pagantes: 56.557) Brasil 3x0 Argentina (Mineirão, 2016): R$ 12.726.250,00 (pagantes: 53.490) Brasil 3x0 Paraguai (Arena Corinthians, 2017): R$ 12.323.925,00 (pagantes: 44.378)

Número de títulos

Quanto ao número de títulos conquistados durante todas as edições da Copa América, o Uruguai segue na primeira colocação, campeão 15 vezes na competição. Logo em seguida vem a Argentina com 14 títulos, um a menos que os uruguaios. O Brasil continua em terceiro lugar, agora com 9 troféus erguidos. Chile, Peru e Paraguai possuem 2 títulos cada um, e Colômbia e Bolívia foram os vencedores apenas 1 vez cada. Venezuela e Equador são os dois únicos países filiados à Conmebol que não possuem títulos na Copa América. 

Próxima edição

Leia também
Confira as quinze tatuagens mais inusitadas dos fanáticos por futebol

A Copa América de 2020 já tem local para acontecer: pela primeira vez na história, a competição será sediada em dois países, a Argentina e Colômbia. A partir dessa edição, o torneio passará a ser realizado a cada quatro anos, a exemplo das competições européias.

 

(Fonte: G1) 

De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações