Os 8 exercícios que você deveria estar fazendo há muito tempo

Os 8 exercícios que você deveria estar fazendo há muito tempo

Há exercícios que nós fazemos desde quando a gente se conhece por gente. Jeff Cavaliere propõe um treino de recuperação no canal Athlean-X, mostrando 8 exercícios que você teria que já ter começado a fazer há muito tempo.

Puxada Alta com variante:

A puxada alta é um dos exercícios mais conhecidos para trabalhar as costas, mas essa variante propõe efeitos diferentes e mais intensos. O que você deve fazer é puxar um pouco mais forte de um dos lados. Isso fortalece ainda mais o trabalho do músculo e aperfeiçoa seu equilíbrio.

Puxada com corda, braços esticados, na polia:

Não confunda com o exercício para os tríceps. Esse se faz com os braços esticados (bem como o próprio nome já indica) e com os cotovelos fechados. O exercício possibilita trabalhar as costas e os ombros de outra forma.

Elevação de tronco:

Esse exercícios é realizado geralmente para treinar abdome e costas. Aqui, a questão é ter uma pegada com as pernas dobradas. Ao se levantar, é preciso tentar manter uma posição mais ereta possível e levantar um pouco os glúteos. Esse movimento trabalha os ischios e os glúteos.

Box squat:

Ainda trabalhando as pernas, o box squat possibilita adicionar segurança ao seu exercício ao trabalhar corretamente.

Abdome em suspensão:

Tríceps e peito são trabalhados com os dips. Aqui o abdome também é incluído junto com as costas, efetuando uma torção na parte de baixo do movimento. Exercício muito bom para o equilíbrio e para a coluna vertebral.

Levantamento de halter:

Pegue um peso com as duas mãos, posicione-se de joelhos e levante o peso obliquamente na sua frente. Isso fortalece os deltoide e o interior do peito.

Puxada frontal:

Perfeito para seus ombros, a puxada frontal é também um exercício que ajudará você a ganhar músculos nas costas. Atenção para não recrutar os bíceps para compensar.

Leia também
As terríveis consequências de quem injeta Synthol para ter braços musculosos

Isométricos:

Você deve pegar uma carga que você não consiga levantar. Os músculos vão se contrair ao máximo e recrutar uma maior quantidade de fibras do que o comum. Faça apenas no final do treino.

De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações