Copa do Mundo: por que os jogadores mostram suas cuecas para os oficiais da FIFA?
Copa do Mundo: por que os jogadores mostram suas cuecas para os oficiais da FIFA?
Leia mais

Copa do Mundo: por que os jogadores mostram suas cuecas para os oficiais da FIFA?

Se você assiste a bastantes jogos de futebol, já deve ter percebido que os jogadores estão sempre mostrando a cueca aos oficiais. Mas por que isso realmente acontece?

Há muitas coisas por trás de um jogo de Copa do Mundo. Jogadores alongam-se, movem-se e desdobram-se nas atuações. Crianças reúnem-se para entrar com seus heróis. Fotógrafos registram todos os momentos. De repente aparece um oficial pedindo para os jogadores puxarem seus shorts, como fez o bandeirinha antes do jogo do Panamá contra a Bélgica.Isso não é tão incomum assim se você assiste a bastantes jogos de futebol.

Mas até mesmo os fãs mais devotos podem se questionar: o que será que esses oficiais estão procurando ali? Substâncias proibidas? Algum objeto que pode causar riscos? Um lanchinho para o meio do jogo? A resposta, no entanto, é bem mais simples. O oficial está checando se os atletas estão (ou não) usando roupa de baixo e se a cor da cueca dos jogadores é semelhante à cor dos shorts. As regras da FIFA estabelecem que a roupa íntima deve ser da mesma cor que o kit do uniforme. Outras federações seguem a mesma regra.

Em 2011, uma equipe de futebol da Inglaterra foi tirada da competição FA Youth Cup, da Liga jovem, por usar cuecas brancas com shorts pretos. Mas o que acontece se o oficial encontrar algum conflito com as regras? A punição não é clara. Normalmente, os jogadores são instruídos a seguirem essas regras antes de resultar em uma punição ou advertência.

Há também uma outra questão em jogo: a publicidade. Temos como exemplo o jogador Nicklas Bendtner, da Dinamarca, que levou uma multa equivalente a R0 000 após um jogo da Eurocopa em 2012 por estar usando uma cueca verde que promovia uma empresa de apostas. A companhia, Paddy Power, arcou com a penalidade.

O atacante Neymar também burlou essa regra: em um jogo contra o Camarões, na Copa do Mundo do Brasil em 2014, ele voltou para o segundo tempo do jogo vestindo uma roupa de baixo com as cores da bandeira do Brasil, da marca Lupo, de uma linha especial criada especialmente para o evento. Os shorts do uniforme eram brancos. Quando o jogo acabou, ele expôs parcialmente a sua cueca. Não foi a primeira vez que Neymar levantou a camiseta para mostrar a roupa íntima. Quando ainda jogava pelo Barcelona, em um jogo da Champions League, seu assessor de imprensa teve que negar que a sua atitude era devida a uma estratégia de marketing internacional da mesma marca, a Lupo, de quem ele é garoto-propaganda.

Escrito por De Freitas Agostinho
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações