Hugo Tronche, guarda-costas, utiliza o Pencak Silat aplicado a situações reais de auto-defesa

Hugo Tronche, guarda-costas, utiliza o Pencak Silat aplicado a situações reais de auto-defesa

Guarda-costas das personalidades no festival de Cannes, Hugo Tronche desenvolveu um estilo de combate derivado que utiliza técnicas de pencak silat, de jiu jitsu brasileiro e de diferentes boxes. Preocupado com sua aplicação em situações reais, o homem de Grenoble, figura da arte marcial indonésia na França, insiste nas noções de ritmo e de velocidade nos encadeamentos que acompanham os reflexos da auto defesa.

Marcos Silva
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações