Strippers são contratadas em funerais na China e geram polêmica

Strippers são contratadas em funerais na China e geram polêmica

Governo quer proibir, após a prática se tornar comum em muitas famílias.

Música alta, strippers dançando conforme a música e a plateia encorajando: esse parece um cenário de uma festa, mas na China esse pode ser o caso de um funeral. Isso mesmo, a prática está sendo difundida pelo país asiático e parece que não está agradando as autoridades. Mas por que essa prática de contratar strippers em funerais?

A primeira resposta pode ser para atrair mais pessoas, pois assim como em outros lugares no mundo, quantidade significa uma forma de "honrar" o falecido.

Leia também
Quando seu namorado se nega a lhe dar um iPhone, ela tira a roupa na rua para protestar

A segunda resposta se trata de um lado mais místico, o chamado "culto à reprodução". Segundo Huang Jianxing, professor da Universidade Fujian: "Em algumas culturas locais, a dança com elementos eróticos pode ser usada para transmitir os desejos do falecido de ser abençoado com muitos filhos"

A terceira explicação seria a demonstração de riqueza, onde as pessoas mais ricas ostentam sua condição social fazendo da ocasião uma grande festa, com muita comida, bebida e inclusive contratando atores para confortar os familiares e amigos do falecido.

No entanto, a prática foi colocada em pauta e está sendo analisada pelos governos locais, correndo o risco de ser proibida, já que eles não estão gostando nada do fato da contratação de strippers em funerais.

• Bruna Moura
Leia mais