Diretor é despedido após exibição de pole dance no regresso às aulas
Diretor é despedido após exibição de pole dance no regresso às aulas
Diretor é despedido após exibição de pole dance no regresso às aulas
Leia mais

Diretor é despedido após exibição de pole dance no regresso às aulas

Foi com uma surpreendente exibição de pole dance que pais e filhos foram recebidos no regresso às aulas numa escola na cidade de Shenzhen, no sul da China.

Cerca de 500 crianças com idades entre os 3 e os 6 anos assistiram assim pela primeira vez a esta dança singular que até agora se acreditava ser destinada a adultos. Os pais que as acompanhavam assistiram chocados e incrédulos à inusitada receção.

Habitualmente esta ocasião celebrada na China na primeira 2ª feira de Setembro, contava com cerimonias marcadas por discursos motivacionais do diretore ou de ex-alunos mas talvez desta e a lembrar que a tradição já não é o que era, o diretor deste jardim de infância optou por algo bem diferente e seguramente inesquecível.

Foi com grande espanto que as famílias presentes viram subir ao palco uma jovem bailarina de short e top pretos, e que indiferente a plateia dançou revelando toda a sua arte.

Entre eles estava o jornalista Michael Standaert da agencia Bloomberg News , cujos filhos frequentam a escola e que mais tarde publicou nas redes sociais que os iria tirar da instituição após a apresentação alegando: “Antes de nossos filhos saírem do jardim de infância para o verão, houve 10 dias de ‘atividades’ militares e exibições de metralhadoras e morteiros na porta; agora a diretora os recebeu de volta com uma apresentação de pole dance”, escreveu ele.

O departamento de Educação do distrito de Guangdong apressou-se a emitir um comunicado dizendo que a dança “não é apropriada para crianças do jardim de infância” e a exigir que a escola se desculpasse com os pais e alunos.

Já o diretor alegou que organizou a dança por causa das “excelentes qualidades” da dançarina.

De resto o episodio apesar de recente, já está a correr mundo com imensos comentários nas redes sociais com as opiniões a dividirem-se entre o choque e o sentido do humor dado o insólito do mesmo.

A OMM aconselha e reforça assim a supervisão parental no regresso às aulas, não vá a cerimónia pegar moda!

Escrito por De Freitas Agostinho
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações