Casal que dava volta ao mundo é assassinado na Ásia
Casal que dava volta ao mundo é assassinado na Ásia
Casal que dava volta ao mundo é assassinado na Ásia
Leia mais

Casal que dava volta ao mundo é assassinado na Ásia

Escrito por De Freitas Agostinho
Última modificação

Os jovens americanos deixaram casa e emprego para conhecer o mundo em cima de uma bicicleta. Mas a história, que tinha tudo para dar certo, teve um fim trágico.

Em junho de 2017, Lauren Geoghegan e Jay Austin, ambos de 29 anos, largaram os seus respectivos empregos em Washington DC, nos Estados Unidos, para realizar um sonho: o casal planejava dar a volta ao mundo de bicicleta.

Cansados da rotina, eles deixaram a estabilidade de lado para aventurarem-se em novas culturas. Ao longo do último ano, compartilharam histórias, surpresas e imprevistos da estrada em um blog chamado Simply Ciclyng. Depois de pedalarem por países como África do Sul, Marrocos, Itália e Espanha, Lauren e Jay chegaram à Ásia Central – mais precisamente ao Tadjiquistão, que faz fronteira com o Afeganistão, a China, o Quirguistão e o Uzbequistão.Lá, se juntaram a outros ciclistas estrangeiros para percorrer as montanhas do país. Só que ninguém imaginava que o sonho de passar por todos os continentes pedalando seria brutalmente interrompido.

No dia 29 de julho, o grupo foi atacado por um carro no meio da estrada. Eles foram atropelados pelo veículo e, depois, esfaqueados pelos seus integrantes.Além do casal, outros dois ciclistas morreram e três ficaram gravemente feridos. O ataque foi reivindicado pelo Estado Islâmico. Dois dias depois do ocorrido, foi divulgado um vídeo em que cinco homens prometiam matar os "infiéis".


En plus
Sem Internet
Verifique suas configurações