Morre Roger, o famoso canguru "bombado"
Morre Roger, o famoso canguru "bombado"
Morre Roger, o famoso canguru "bombado"
Leia mais

Morre Roger, o famoso canguru "bombado"

O canguru bombado morreu aos 12 anos de idade, para a tristeza de todos.

Morre uma lenda

O canguru Roger foi criado na cidade de Alice Springs, na Austrália, sendo mantido em um santuário de cangurus da região. A mãe do marsupial foi morta em um acidente de carro, deixando o filhote desamparado; porém, ele foi levado para o santuário e cresceu e foi criado pelos funcionários. O que ninguém imaginava, no entanto, era o que aconteceria com o pequeno canguru: ele cresceu, e muito! No auge de sua forma física, ele já chegou a ter 2 metros de altura e mais de 89 quilos. Mas o que garantiu a fama mundial do marsupial não foi apenas seu tamanho e seu peso: o canguru apresentava músculos de ferro. Desde que seus cuidadores lançaram imagens do canguru Roger, o mundo todo conheceu sua história e seu físico, ganhando o apelido de "canguru bombado". Sua fama começou em 2015, quando um vídeo de Roger destruindo vários baldes de metal com a força de suas patas e chutes foi lançado nas redes. Os cangurus são animais fortes, mas Roger se destacava quando o quesito era força.

História de Roger

O santuário utilizou o seu perfil oficial no Facebook para levar a triste notícia para todos seus seguidores no mundo. Chamada de "Canguru Dundee", a página anunciou que Roger havia falecido de velhice. "Infelizmente, Roger morreu de velhice. Ele viveu uma vida longa e adorável, foi amado por milhões de pessoas em todo o mundo. Nós sempre amaremos você e sentiremos sua falta". O vídeo já foi assistido mais de 330 mil vezes, e deixou muitos entristecidos. Em outra ocasião, o cuidador de Roger, Chris "Brolga" Barns, concedeu uma entrevista à BBC, na qual contou um pouco da trajetória do animal. "Ele ainda era bebê quando o salvei, ele estava dentro da bolsa da mãe que foi morta na estrada", contou ele ao explicar como acharam o canguru bombado. Barns também disse que Roger se tornou o macho alfa do grupo, chegando a ter até 12 "esposas". Hoje o santuário abriga mais de 50 cangurus, muitos gerados por Roger.

O cuidador também contou sobre sua relação com o animal. No começo, eles eram muito próximos, mas logo Roger começou a enxergar Barns como um competidor: "No início, tínhamos um vínculo forte, mas logo ele começou a me ver como competidor e queria lutar comigo". Barns também disse que "Roger era musculoso ao extremo". Realmente, as fotos não mentem! O cuidador também contou sobre a repercussão que a morte de Roger trouxe para as redes sociais: "Desde que ele apareceu na TV e as imagens se tornaram virais, ele ganhou muito amor e atenção. Agora que morreu, estamos recebendo mensagens de condolências de pessoas de todo o mundo".

Com a idade já avançada, Roger começou uma luta contra a cegueira e a artrite, mas estava "amando sua aposentadoria". Os cangurus vivem em média 14 anos, mas na natureza raramente chegam a essa idade pois são atacados por predadores quando ficam doente. Quando morreu, o canguru bombado foi enterrado no próprio santuário em que viveu, e "Ele estará aqui para sempre", disse Barns, emocionado.

Escrito por De Freitas Agostinho
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações