Homem planta uma árvore por dia, durante 40 anos e transforma deserto em uma floresta magnífica

Homem planta uma árvore por dia, durante 40 anos e transforma deserto em uma floresta magnífica

Esse homem é um exemplo de persistência e determinação.

Foi no verão intenso de 1978 que Jadav Payeng, um adolescente da tribo Mishing, retornou à sua terra natal em Aruna sapori, uma ilha fluvial no Brahmaputra.

Ele tinha acabado de concluir seus estudos e estava prestes a voltar para sua cidade natal, sem saber se que seu destino mudaria completamente.

Chegando lá, Payeng testemunhou uma situação  que o chocou muito: mais de uma centena de cobras enroladas e torcidas sem vida no banco de areia deserta.

Angustiado e buscando conselho, o menino foi para a aldeia da comunidade vizinha Deori. E lá descobriu que as cobras foram arrastadas até o banco de areia por inundações e morreram pois não tinham árvores para protegê-las do sol.

Payeng disse que chegou a chorar e que a partir desse dia ele decidiu fazer algo para ajudar sua comunidade.

Em entrevista ao The Times Índia, Payeng contou como começou a plantar as árvores: “Eu alertei o departamento florestal e perguntei a eles se poderiam plantar árvores lá. Eles disseram que nada cresceria e que eu poderia tentar plantar bambu. Foi penoso, mas eu o fiz. Não tinha ninguém para me ajudar. Ninguém estava interessado".

Leia também
Descubra o efeito surpreendente do leite com Coca-Cola

Plantando uma árvore por dia desde a década de 1970, Jadav plantou 500 hectares de árvores. Hoje o lugar é lar de tigres, rinocerontes indianos e tem até uma manada de mais de cem elefantes que visita o lugar todos os anos.

Payeng criou sozinho uma área florestal, maior que o Centro Park, em Nova York e o melhor? Tudo isso em uma área árida, quando ninguém acreditava que seria possível. Esse homem é um exemplo de persistência e determinação.

Fonte: Metro

Imagem: Ipnoze 

• De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações