Araní, jogo desenvolvido por brasileiros, é anunciado e ganha trailer

Araní, jogo desenvolvido por brasileiros, é anunciado e ganha trailer

Jogo produzido totalmente por brasileiros tem como protagonista a índia Araní.

É do Brasil!

O mercado dos games é atualmente uma promessa bastante promissora para a economia mundial. Com o aumento do número de vendas dos consoles, o ramo vem ganhando espaço em todo o mundo. Outro fator que fez com que as vendas de jogos eletrônicos aumentassem, foi o impressionante aumento do número de smartphones vendidos a nível mundial, e os usuários estão ficando cada vez mais interessados em jogos de videogame.

Apesar de não ser uma potência mundial na produção de games, o Brasil começa a dar as caras no mercado competitivo. Alguns estúdios brasileiros já lançaram títulos para as principais plataformas de games, como o PS4 e Xbox One. No setor de games para os smartphones o Brasil também já deixa sua marca, com estúdios que produzem jogos simples porém atrativos.

A maior investida brasileira no mundo dos games está dando o que falar, e chamando a atenção de gamers de todo o país. O estúdio pernambucano Diorama Digital anunciou que está em processo de desenvolvimento de um título que promete estar a um nível de competição dos maiores jogos; trata-se de Araní, desenvolvido completamente por brasileiros.

O estúdio responsável lançou, junto ao anúncio, um trailer do game, no qual mostra uma demonstração dos gráficos, jogabilidade e combate. Araní é a protagonista, uma índia, que está em busca da salvação de seu povo. Segundo os desenvolvedores, "Araní é a guerreira mais corajosa da Tribo do Sol, e está em uma jornada de auto-descoberta enquanto luta para salvar seu povo de um poder mitológico ancestral". Ainda foi pouco divulgado sobre o enredo, mas on trailer já podemos ver algumas criaturas e o combate, no qual Araní usa uma lança e lança vários golpes contra seus inimigos, criaturas também inspiradas na mitologia indígena brasileira. Além do combate corpo a corpo, tudo indica que Araní será capaz de lançar também magias.

O estúdio

A Diorama Digital, responsável pelo desenvolvimento do game, não é uma empresa totalmente nova no segmento de desenvolvimento de jogos eletrônicos. Anteriormente, a empresa trabalhava para outras firmas, sobretudo internacionais. Um exemplo disso, foi a parceria que o estúdio fez com a gigante holandesa Guerrilla Games, responsável por produzir títulos de peso, como Killzone. A Diorama também participou do desenvolvimento do game Horizon Zero Dawn, também lançado pela Guerrilla, ajudando na produção de sete das criaturas que aparecem no jogo. A engine gráfica utilizada em Araní sera a mesma usada pelo estúdio holandês em seus games.

Investimento

Em 2017, a Diorama Digital participou do projeto chamado "Brasil de Todas as Telas", realizado pela Ancine, um programa que investe na cultura e artes nacionais. Na ocasiâo, o estúdio recebeu uma parcela de 1 milhão de reais, parte dos 10 milhões que foram distribuídos para a indústria de jogos eletrõnicos nacionais. Com tal investimento, a empresa passou a se dedicar na produção de um jogo que seria produzido totalmente por brasileiros e que abordasse um tema também totalmente nacional, e daí surgiu a ideia de produzir um título baseado na cultura e mitologia indígenas. É uma ideia realmente interessante, então vamos torcer para que tudo dê certo! o o jogo será lançado para PS4, Xbox One e PC, ainda sem data. 

• Marcos Silva
Leia mais