Imagens arrepiantes de uma tarântula gigante que captura um filhote de gambá

Imagens arrepiantes de uma tarântula gigante que captura um filhote de gambá

Pesquisadores se depararam com um encontro inesperado no coração da floresta amazônica. Eles deram de frente com uma tarântula gigante pegando sua presa: um gambá bebê. As imagens são de dar frio na espinha.

A natureza não cansa de nos surpreender. Você deve achar que as aranhas se alimentam de insetos, moscas e pequenos gafanhotos? Exatamente... mas não apenas. Algumas espécies de aracnídeos têm uma dieta mais variada. É o que mostra o assustador encontro de uma equipe de pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos. Eles publicaram e disponibilizaram na Internet os resultados de seus estudos.

Há pouco, eles foram surpreendidos por uma tarântula gigante em plena caça. O animal pertencia à espécie dos Pamphobeteus, endêmica do Panamá, Colômbia e Equador. Também encontrada no Peru, na Bolívia e no Brasil. De acordo com os pesquisadores, esse espécime tinha um comprimento semelhante ao de um prato, com as patas.

Embate mortal

Para a grande surpresa, a tarântula estava em processo de capturar sua presa... um gambá bebê. Os cientistas tentavam provar que o aracnídeo também se alimentava de pequenos vertebrados como rãs. Eles não esperavam ver entre as presas um bebê mamífero.

>>> Aperte o play para ver o vídeo do embate mortal entre uma tarântula gigante e um gambá bebê.

"O gambá já tinha sido pego pela tarântula, e ainda estava se debatendo. Mas depois de 30 segundos, ele parou", relata Michael Grundler, biólogo da Universidade de Michigan.

Leia também
Imagens de um enorme tubarão-tigre capturado na Austrália comovem a internet

"Não nos cabíamos de tanta felicidade, mas ficamos também um pouco chocados", conta o cientista.

"Nós soubemos em seguida que estávamos assistindo a algo de especial". Ser cientista é também ter o coração e estômago fortes.

De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações