A seda dessas aranhas é cinco vezes mais resistente que o aço, e agora sabemos o porquê

A seda dessas aranhas é cinco vezes mais resistente que o aço, e agora sabemos o porquê

Analisando a seda da aranha marrom, uma aranha da América do norte, os pesquisadores fizeram uma descoberta inesperada. Seu fio seria na verdade um cabo.

A seda da aranha é conhecida como um dos materiais naturais mais sólidos do mundo: ela seria até cinco vezes mais resistente que um cabo de aço de mesmo peso. De onde ela tira essa impressionante solidez? Graças a um microscópio mais poderoso, Hannes Schiniepp e seus colegas descobriram. Eles conseguiram desvendar os segredos da seda da aranha marrom, ou Loxosceles reclusa, cientificamente.

Cabo natural

"Nós esperávamos que a fibra fosse em um único bloco", conta Dr. Schiniepp. "Mas nós descobrimos que se tratava na verdade de um tipo de cabo minúsculo." Com o uso do microscópio de força atômica, percebeu-se a presença de arcos no seu interior da estrutura do fio. As conclusões do seu estudo, que se baseia em resultados precedentes obtidos em 2017 foram publicados na revista ACS Macro Letters.

"Notou-se que a fibra é constituída de uma multiplicidade de nano-brins", explica o pesquisador. "Cada nano-brin é um fio fino constituído de proteínas, de um diâmetro de menos de um milionésimo de centímetro." Cada fibra de seda da aranha marrom seria constituído de pelo menos 2.500 nano-brins, arranjados paralelamente uns aos outros para formar um tipo de laço (o fio da aranha é na verdade mais achatado do que cilíndrico) milhares de vezes mais fino que um fio de cabelo.

Da seda da aranha à seda sintética

Leia também
A maior aranha do mundo surpreende cientista no meio da floresta

Muitos modelos foram propostos para tentar explicar a organização estrutura de um fio de aranha e as razões da sua incomparável força. De acordo com Schniepp, a estrutura descrita nesse novo artigo constitui o mais simples e mais elegantes dos principais modelos. "Nós achamos que o segredo da seda da aranha marrom reside principalmente nos nano-brins individuais."

"Compreender as propriedades da seda da aranha marrom no nível molecular nos fornece não só uma melhor compreensão de um dos materiais mais resistentes da natureza, mas também uma trajetória para a confecção de outros materiais sintéticos", destaca Mohan Srinivasarao. A seda sintética é em si algo muito quisto pelos cientistas há muitos anos, que tentam analisar da melhor forma possível as técnicas de fabricação das aranhas.

• De Freitas Agostinho
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações