Salmonella

Cerca de 48 pessoas acabaram de ser infectadas por queijo feito com leite cru contaminado por salmonella. Como se transmite esta bactéria e como se proteger dela?

As salmonellas são bactérias muito resistentes. Existem duas espécies dessa bactéria e mais de 2.500 subespécies. Elas podem sobreviver várias semanas em um ambiente seco e vários meses na água, onde são mais difíceis de serem detectadas. Geralmente é desta última forma que são encontradas em vários animais, principalmente no leite e nos ovos.

De acordo com especialistas, existem dois grandes modos de contaminação por salmonellas. O método direto, que ocorre quando se consome alimentos contaminados, e o método indireto, que é a contaminação por meio de uma pessoa infetada, geralmente pelo contato com suas mãos, quando não estão devidamente higienizadas.

Quais são os sintomas?

Quando ingerida, a salmonella se instala no intestino e provoca uma infecção bacteriana chamada "salmonelose" cujos sinais são semelhantes aos da gastroenterite. Na verdade, os primeiros sintomas aparecem depois de 48 horas, sob a forma de febre, diarreia, vômitos e dores no estômago. Em adultos saudáveis, é necessário a ingestão de um grande número de germes para que se contraia a doença. No entanto, os bebês e as crianças são muito mais sensíveis.

Na maioria dos casos, o principal tratamento consiste em aliviar os sintomas com paciência, hidratar-se bem e comer alimentos salgados. Mas, no caso de febres altas, antibióticos também podem ser necessários.

Como se proteger?

Manter os alimentos na geladeira, principalmente os ovos, é útil porque o frio impede a proliferação de bactérias. Mas isso não as destrói completamente. Só existe uma maneira de matá-las: cozinhar os alimentos a 65ºC durante, pelo menos, 5 a 6 minutos. Finalmente, também é preciso lembrar-se de lavar sempre muito bem as mãos.

Publicado por -